Direito Aplicado ao Agronegócio é lançado em forma de curso online pela Unieducar

juracy.soares@uni...
Publicado em: seg, 21/09/2020 - 11:18

Unieducar lança um novo curso online certificado com ênfase no Direito Aplicado ao Agronegócio. O programa desenvolve temas relevantes para essa importante atividade econômica brasileira, como a interdisciplinaridade do Direito Agrário e Direito Ambiental; a Teoria Geral do Direito Agroambiental; os Princípios Gerais do Direito Agroambiental; a Desapropriação por Interesse Social para fins de Reforma Agrária; a relação do Agronegócio e o Direito Comercial Brasileiro, dentre outros tópicos relevantes na área.

A questão do Compliance Ambiental Aplicado ao Agronegócio é também um dos temas desenvolvidos no referido programa de capacitação profissional.

O Agronegócio no Brasil se desenvolveu e se transformou no principal item da balança de exportações, se constituindo em case de sucesso internacional, ao aliar o desenvolvimento científico à atividade, que passou a aumentar a produtividade por hectare como pilar de sustentabilidade ambiental, uma vez que, a cada ano, é possível otimizar o uso de terras nas colheitas dos mais diversos tipos de produtos que constituem a pauta de exportações.

O referido curso online é destinado ao público formado por professores, pesquisadores, profissionais operadores do Direito e de áreas profissionais correlatas, que demandam conhecimento acerca dos temas elencados no conteúdo programático. O programa confere certificação e se constitui em elemento de Atualização Jurídica no Direito Agrário.

Prof. Dr. Juracy Soares. É professor fundador da Unieducar. É fundador e Editor Chefe da Revista Científica Semana Acadêmica. Graduado em Direito e Contábeis; Especialista em Auditoria, Mestre em Controladoria e Doutor em Direito; Possui Certificação em Docência do Ensino Superior; É pesquisador em EaD/E-Learning; Autor do livro Enrqueça Dormindo.

Nota do editor: os textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais iconográficos publicados no espaço “opinião” não refletem necessariamente nosso pensamento, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.