O avanço tecnológico é uma característica da civilização humana e, como tal, mesmo as novas tecnologias demandam regulamentação jurídica para as situações delas decorrentes. O Direito das tecnologias é o campo do Direito dedicado ao estudo dessa nova esfera de atuação social.